quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

EX-CHEFE DE RECURSOS HUMANOS PREJUDICOU SERVIDORA


Dona Davina disse não saber da sua demissão, Ela continuou recebendo na prefeitura de Uruçuca

Admissão em 1º de junho de 95,  demitida em 30 de junho de 2010 e continuou recebendo em 2012 
A Senhora Davina Militão dos Santos, lotada no matadouro municipal, teve seus direitos trabalhistas prejudicados, por conta da irresponsabilidade do ex-chefe de Recursos Humanos, do Governo Forte e Povo Respeitado, Marcos Eduardo Francisco Pereira, conhecido popularmente como Marcos Socram.
No ano de 2010, familiares da servidora procuraram o então chefe de Recursos Humanos, para informar que a mesma encontrava-se com problemas na visão e não teria condições de trabalho. Na oportunidade foi solicitada a carteira profissional da servidora, quando Marcos Pereira informou que iria aposentá-la, dizendo que ela já estava com idade avançada para trabalhar e que continuaria recebendo seus salários, até a conclusão do processo.
Posteriormente, depois de muitas idas e vindas, para saber o resultado do processo,  sem solução, os familiares procuraram a voluntária de serviços sociais, Itatiana Santana, que informou que todo processo estava errado. Voltaram a Prefeitura e o Chefe de Recursos Humanos pediu que não procurassem mais a Srª Itatiana, que ele iria dar solução.
Não houve solução para aposentadoria, porque o Sr. Marcos Socram deu baixa na carteira da servidora, em 30 de junho de 2010 e a inscreveu na OSCIP, fato desconhecido por Dona Davina e seus familiares, que achavam que ela continuava recebendo, pela Prefeitura.
Hoje, dia 16, foi recebida pelo advogado, que lhe comunicou da perca do tempo de serviço, já que a carteira foi dada baixa em 2010, ultrapassando os dois anos que a mesma poderia reclamar perante o Ministério de Trabalho.
Dona Davina alega nunca ter recebido tempo de serviço, FGTS e outros direitos que a Lei Trabalhista poderia lhe proporcionar, nos seus 18 (DEZOITO) anos de carteira assinada e mais de 50 anos de serviço no Matadouro Municipal.
A servidora hoje tem 77 anos de idade e sempre foi conhecida como fateira, quando tratava as vísceras dos animais abatidos, no Matadouro Municipal, da época onde hoje existe o Fórum local.
Dona Davina Militão será recebida pelos advogados da prefeitura de Uruçuca, nesta sexta-feira.
ASCOM

3 comentários:

  1. Um cara desse é totalmente desprovido de sentimento, moralidade, honestidade e etc. O que este cara mereçe? é a grande pergunta.

    ResponderExcluir
  2. A prova do careter desta pessoa e do que ele é capaz, foi a sua prisão ontem, mas ele é pau mandado, Uruçuca Noticias, é só relembrar o que ele fez nos governos passados do amarelo, e os consignados?

    ResponderExcluir

CLASSIFICAÇÃO DO INTERMUNICIPAL 2017

GRUPO 1                     CLASSIFICAÇÃO  POS PON J V E D GP GC SG % CALDEIRÃO GRANDE 1 6 2 2 0 0 3 0 3 100.00 SENHOR DO BONFIM 2 4 2 ...