terça-feira, 4 de junho de 2013

URUÇUCA: PLENÁRIO APROVA CONTAS DO PRESIDENTE DA CÂMARA


Nesta segunda-feira, 3, o plenário da Câmara Municipal de Uruçuca aprovou as contas do presidente daquela instituição, Erivaldo Pereira Guimarães, anteriormente aprovadas com ressalvas pelo Tribunal do Contas do Municípios-TCM, pelo placar de 8 x 1.
A votação teve o impedimento de voto do presidente que não poderia votar em suas próprias contas e do vereador Rodrigo de Paulino, em atestado médico. O único voto contrário foi da vereadora Magnólia, que questionou as compras efetuadas na gestão do presidente referente ao ano de 2011, porque as contas haviam sido aprovadas com ressalvas. Durante suas falas, os vereadores Carlos Magno e Valmari, questionaram a vereadora Magnólia, quanto a sua incoerência em relação ao voto contrário. Lembraram que a vereadora votou a favor de contas desaprovadas pelo TCM, do ex-presidente da Câmara, José Pedro Castro, sem nenhum questionamento.
Ainda durante a sessão, o vereador Valmari lembrou que direitos dos professores foram subtraídos, pela desaprovação do plano de cargos e salários, cuja orientação partiu do ex-prefeito Moacyr Leite Júnior, aos vereadores de sua base. Valmari perguntou ao vereador Irmão Duda sobre as consequências de ter votado a favor do projeto dos professores, sendo informado que teve familiares demitidos pelo gestor da época. A vereadora Lia da Serra afirmou que na época da elaboração do projeto, passou noites em claro, para que não houvesse solução de continuidade e que dentro do prazo o projeto fosse aprovado. Disse ainda que, na época, saiu da Câmara envergonhada e que pela primeira vez, os professores foram vaiados, inclusive por integrantes da própria classe, partidários do ex-prefeito.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CASAMENTO COMUNITÁRIO

O casamento comunitário reuniu 16 casais que se uniram oficialmente neste sábado (25), em Uruçuca, onde puderam finalmente realizar esse s...