quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Governo Federal beneficia seis municípios baianos com curso de medicina

Através do programa Mais Médicos, seis municípios da Bahia foram selecionados, por meio de edital, para receber cursos de medicina e terem a Atenção Básica da Saúde fortalecida. De 150 municípios brasileiros inscritos, 39 foram selecionados, sendo 6 baianos: Eunápolis, Itabuna, Alagoinhas, Juazeiro, Jacobina e Guanambi. “Estamos consolidando o sonho da interiorização da formação médica. Foi uma das demandas da população nas várias rodadas de Plenárias do PPA [Plano Plurianual] Participativo”, disse o superintendente de Recursos Humanos da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), Washington Abreu, durante um evento realizado em Guanambi, no centro sul da Bahia. Com a seleção das cidades baianas, serão disponibilizadas 375 novas vagas no estado, entre as 11,5 mil no Brasil. “Somadas às que estão sendo ampliadas em seis universidades federais na Bahia e duas [universidades] privadas, antes do edital, chegamos ao total de 885 vagas”, afirma o secretário de Gestão do Trabalho e Educação do Ministério da Saúde (MS), Heider Pinto. Segundo Heider, a seleção seguiu o critério de análise da necessidade social e a capacidade de receber o curso. “Depois da assinatura do termo de compromisso pelo Ministério da Saúde, as seis prefeituras e o Governo do estado, as instituições de ensino interessadas devem participar de concorrência para ver qual tem as melhores propostas para abrir [o curso]. Ainda no final deste ano teremos as instituições selecionadas”. Cada instituição terá um prazo de 18 meses para implantar o curso, podendo realizar vestibular ao final do próximo ano para início do curso em 2016, além de poder iniciar os programas de residência médica a partir de 2017.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CASAMENTO COMUNITÁRIO

O casamento comunitário reuniu 16 casais que se uniram oficialmente neste sábado (25), em Uruçuca, onde puderam finalmente realizar esse s...